Blog da Dusol

12
set

Investir em energia solar continua sendo uma excelente oportunidade, seja para sua casa (ou apartamento), empresa e/ou propriedade rural. Afinal de contas, o Brasil é o país com os melhores índices de irradiação solar do mundo, sendo o cenário perfeito para economizar no bolso e ajudar na preservação ambiental.

Portanto, no post de hoje, listamos 5 fatos para você se convencer definitivamente a solicitar o seu orçamento. Vamos a eles?

1. É uma energia limpa

Quando falamos que a energia solar é uma energia limpa, queremos dizer que o sistema utiliza uma fonte que é renovável e que não lança poluentes na atmosfera, o que interfere no ciclo do carbono – no caso, estamos falando do Sol.

O sistema de captação solar é muito simples e consiste em placas de silício instaladas na melhor direção possível para que consiga captar a irradiação solar e converter a energia gerada em eletricidade para abastecer o imóvel.

Aliás, falando em imóvel, temos um post aqui no blog falando sobre 4 aparelhos que consomem mais energia dentro de casa para você ficar atento, confira!

2. O custo da tarifa de energia só vem aumentando

Encargos, custos de transmissão, indenização, bandeiras tarifárias… Com tantas tarifas embutidas na conta de energia, não é de se estranhar que ela sofra constantes aumentos.

Basta uma rápida pesquisa no Google, por exemplo, para aparecerem dezenas e dezenas de notícias sobre reajustes nas contas: em 2017, elas chegaram a ficar 30% mais caras. Em contrapartida, você consegue economizar até 95% em sua conta com a energia solar.

Então, se você sabe que isso é um fato que dificilmente vai mudar, ainda mais em tempos de grandes estiagens que deixam os reservatórios de água a níveis preocupantes (lembre-se que a maior parte da energia do país vem das hidrelétricas), esse é um ótimo motivo para investir em energia solar.

3. O tempo de retorno ao se investir em energia solar vem caindo

Nos últimos anos, o tempo de retorno para quem deseja investir em energia solar vem diminuindo – e isso é uma excelente notícia, principalmente em tempos de crise econômica.

De um modo geral, quem instala energia solar na residência tem o retorno sob o investimento entre 4 e 7 anos. Já em relação às empresas que investem no sistema fotovoltaico, esse tempo varia entre 3 e 5 anos.

Neste post a gente te explica como são feitos esses cálculos de ROI, baseados em exemplos reais dos custos do sistema fotovoltaico.

4. O custo dos equipamentos caiu

Nos últimos dois anos, o custo dos equipamentos do sistema de energia solar caiu 50%, principalmente por conta do aumento da procura pela instalação de projetos de usinas de grande porte e, também, de consumidores residenciais.

Além disso, estima-se que os preços continuem estáveis nos próximos anos, o que também é uma boa notícia, já que a maioria dos equipamentos é importada e, mesmo com constantes variações, cambiais, podem não se alterar.

5. Investir em energia solar requer custo de manutenção baixo

Por fim, saiba que você pode investir em energia solar tranquilamente, pois o custo de manutenção do sistema é baixo – aliás, também é muito simples.

Na prática, basta realizar a manutenção preventiva limpando as placas solares a cada 4 meses ou quando a cidade ficar muito tempo sem receber chuva – muita poeira acumulada pode afetar a eficiência das placas.

Neste post você vai entender de forma mais aprofundada como a manutenção preventiva deve ser feita.

E então? Se convenceu em investir em energia solar? O próximo passo é falar com a nossa equipe para saber o que o sistema fotovoltaico pode fazer pelo seu imóvel – afinal, ainda existem outros benefícios. Até a próxima!

Comentários